O comprometimento com o bem-estar animal se tornou uma questão de prioridade para empresas de alimentos no Brasil, principalmente em relação às políticas de ovos livres de gaiolas. Hoje no Brasil mais de 50 empresas têm comprometimento com a causa, um aumento de 10 vezes em relação ao ano passado.

O assunto foi tema do evento ‘Movimento corporativo livre de gaiolas’, organizado pela Humane Society International, que abordou as melhores práticas de bem-estar animal com foco na transição para cadeias de abastecimento de ovos livres de gaiolas. O diretor geral para a América do Sul da Humane Farm Animal Care, Luiz Mazzon, apresentou o trabalho do Instituto Certified Humane no encontro, que foi  realizado na última quarta-feira (22). Confira no vídeo uma entrevista com Fernanda Vieira, da HSI:



Faça seu comentário